Copyright © 2014 | Desenvolvido por: OnLine

Europa gasta mais em alimentação com quarentena

10 Apr 2020

 

 

Os europeus, principalmente as pessoas que vivem na Itália, França e Reino Unido não apenas aumentaram dramaticamente seus gastos com alimentos com vida útil longa, mas também estão “dizendo não” a certos favoritos gourmet. As informações foram publicadas pelo portal POLÍTICO.  

 

No geral, as pessoas gastam mais em supermercados do que antes da crise, impulsionadas pelo fechamento de estoques e restaurantes. Um conjunto de dados das empresas de pesquisa de mercado IRI e BCG para a primeira semana de março mostra que as vendas nas categorias de produtos de papel, produtos de saúde e alimentos embalados aumentaram consideravelmente nos três países. 

Enquanto as vendas geralmente estão subindo, há algumas categorias de produtos que registraram perdas. Na França e na Itália, as vendas de cosméticos caíram, enquanto as pessoas no Reino Unido e na Itália gastaram menos em produtos classificados como mercadorias em geral. 

 

Essa mudança nos hábitos de compra colocou enorme pressão sobre as cadeias de suprimento de alimentos e não passou despercebida pelos políticos. Os ministros da Agricultura da União Europeia discutiram na semana passada se precisam adaptar as políticas ao que chamam de "grandes mudanças nos padrões de consumo", de acordo com um documento visto pela POLITICO. 

“A demanda por produtos de maior valor, como vinho, peixe, flores enfraqueceu significativamente; no caso das flores, desmoronou completamente. Por outro lado, a demanda por produtos estáveis em prateleiras, como arroz, macarrão, ovos, enlatados, frutas e legumes de longa duração aumentou bastante”, afirmou o documento. 

Please reload

Ultimas noticias

Bônus beneficia agricultores familiares de diversos estados

November 21, 2016

1/9
Please reload

Notícias Recentes
Please reload