Brasil importa mais agroquímicos no 1º semestre



O Brasil importou 272.218 toneladas de agroquímicos no 1º semestre de 2021, de acordo com relatório da Abiquim (Associação Brasileira da Indústria Química). O resultado representa um aumento de 0.8% na comparação com as compras brasileiras de defensivos agrícolas no exterior nos seis primeiros meses de 2020, quando foram importadas 270.100 toneladas, segundo levantamento publicado no portal especializado Agropages (China).

Em dólares, as importações brasileiras de pesticidas somaram USD 2,068 bilhões no 1º semestre de 2021, de acordo com o relatório de acompanhamento da Abiquim. O valor significou uma baixa de 2,4% na relação com as compras externas brasileiras de fitossanitários, que totalizaram USD 2,118 bilhões entre janeiro e junho de 2020.

Já as exportações de agroquímicos produzidos no Brasil foi imensamente inferior, somando 21.566 toneladas no 1º semestre deste ano, o equivalente a USD 149,761 mil. As cifras representaram uma queda de 11,8% sobre as 19.285 toneladas vendidas pelos brasileiros para mercados estrangeiros, que foram equivalentes a USD 142.055 mil. Em dólares o aumento foi de 5,4%, com a valorização da moeda brasileira, o Real, frente a moeda norte-americana.

Ultimas noticias
Notícias Recentes