Brasil quer ter mais acesso a fertilizantes produzidos no Egito e diversificar pauta comercial



O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Marcos Montes, reafirmou nesta segunda-feira (9), no Cairo, o compromisso do Brasil com a segurança alimentar global. Ao participar da abertura do Fórum Brasil–Egito, promovido pela Câmara de Comércio Árabe-Brasileira (CCAB), ele ressaltou o forte interesse do Brasil em expandir as importações de fertilizantes do Egito.

“O Brasil é um provedor de alimentos seguros, acessíveis e nutritivos. Desejamos aprofundar os laços que nos unem ao povo egípcio e o comércio é uma das formas de fazer isso: uma arte praticada aqui de maneira admirável há milênios. Com a adequada oferta de fertilizantes, atingiremos as metas da FAO para a oferta de alimentos para o mundo em 2050”, ressaltou o Ministro.

No evento, a delegação do Mapa apresentou as metas do Plano Nacional de Fertilizantes e as expectativas para o abastecimento de nutrientes para a agropecuária a longo prazo, visando assegurar a produção de alimentos para o mundo. Vários empresários demonstraram interesse em fornecer fertilizantes para o Brasil. Também foi debatida a necessidade de reforçar a aproximação entre empresários e investidores de ambos os países para viabilizar os negócios.

O Egito tem uma boa expressão na oferta de fertilizantes nitrogenados e potássicos, além de suas misturas em fertilizantes especiais, mas ainda sem grande expressão no mercado brasileiro.

Ultimas noticias
Notícias Recentes