Comercialização de carbendazim está proibida a partir desta quarta-feira



A Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), por meio de sua Divisão de Insumos e Serviços Agropecuários, emitiu uma nota técnica nesta quarta-feira (22/06) reforçando despacho da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) que proíbe a comercialização, distribuição, importação e fabricação de produtos agrotóxicos que contenham o princípio ativo carbendazim.

O carbendazim é um fungicida utilizado no tratamento de doenças da parte aérea nas culturas de citros, feijão, soja e trigo, e no tratamento de sementes de algodão e soja. De acordo com o parecer da Anvisa que embasa o banimento temporário do produto, o carbendazim “possui aspectos toxicológicos proibitivos de registro, não sendo possível estabelecer um limiar de dose segura para a exposição” humana. Entre os aspectos listados pelos técnicos da Agência está o potencial do agrotóxico de provocar câncer, prejudicar a capacidade reprodutiva humana e afetar o desenvolvimento.

Ultimas noticias
Notícias Recentes