top of page

Exportação de frango bate recorde em janeiro com alta de 20,6% e brasileiros consomem em média 45 qu



O Brasil está entre os maiores criadores de aves do planeta, os números brasileiros comparados aos internacionais são, de longe, maiores em todos os sentidos. Exemplo disso, as exportações de carne de frango (considerando produtos in natura e processados) totalizaram 420,9 mil toneladas em janeiro, alta de 20,6% ante igual período do ano anterior e um recorde para o mês, disse nesta quarta-feira a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), com firme demanda externa causada pela restrição global de oferta devido à gripe aviária.

Principal destino das exportações da carne de frango do Brasil, a China importou 60,2 mil toneladas em janeiro, número 24,7% maior do que o registrado no mesmo período de 2022, com 48,3 mil toneladas, mostraram os dados. Outros destaques foram o Japão, com 37,7 mil toneladas (+23,1%), Arábia Saudita, com 32,4 mil toneladas (+111,3%), África do Sul, com 29,5 mil toneladas (+15,7%) e União Europeia, com 21,8 mil toneladas (+20,4%).

Para Fábio Pizzamiglio, diretor da Efficienza, empresa especializada no comércio exterior, o cenário é positivo, mas ainda é necessária uma maior variação de mercado. "Podemos observar que estamos cada vez mais ampliando a nossa participação internacional quando tratamos de carnes. Assim como o Frango, também somos o principal exportador de carne bovina. Temos ainda uma dependência grande da China, mas acredito que temos a possibilidade de alcançar novos mercados e ampliar ainda mais nossa participação ainda em 2023", afirma Pizzamiglio.

Comments


Ultimas noticias
Notícias Recentes
bottom of page