top of page

Freio de Ouro decide campeões de edição histórica no fechamento da Expointer



No ano de comemoração dos 40 anos da modalidade da ABCCC, expectativa é de uma disputa emocionante para marcar o nome na história da raça


O ápice do ciclo do Cavalo Crioulo tem dia e hora marcados para acontecer. Pelo final da manhã e início da tarde do dia 4 de setembro de 2022, o pódio estará sendo preparado para receber os vencedores de mais uma grande final do Freio de Ouro, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS), no último dia da Expointer 2022. E neste ano, este lugar será mais do que especial na modalidade promovida pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), pois se completa os 40 anos de história da competição que move milhares de pessoas em torno dela.


Conforme o vice-presidente Técnico da ABCCC, José Luiz Lima Laitano, a expectativa, pelo que foi visto nas classificatórias, é de uma disputa muito acirrada por guardar este lugar na história da modalidade e, por consequência, da raça Crioula. “Este é o primeiro ano concreto pós-pandemia, com um ciclo mais cheio, com mais realizações de credenciadoras pelos núcleos, com mais volume de animais. Podemos projetar uma final de Freio de Ouro emocionante e com muitos animais podendo chegar ao primeiro lugar”, observa.


Para Laitano, esta marca de 40 anos do Freio de Ouro nada mais é do que a consolidação de uma história. “É uma história que faz parte do dia a dia de todos os gaúchos. O Freio de Ouro é uma consolidação de uma prova extremamente importante para a raça Crioula e em alguns momentos ela é até mais conhecida do que a própria raça. Isso é o resultado de um trabalho de 40 anos da ABCCC, dos seus criadores, ginetes e veterinários”, destaca.

Ultimas noticias
Notícias Recentes
bottom of page