top of page

Inseticida é um dos mais eficazes contra cigarrinha-do-milho



Um estudo realizado pela engenheira agrônoma, doutora em Produção Vegetal pela Universidade Federal de Goiás, a pesquisadora Jurema Rattes, proprietária da Agro Rattes Consultoria e Pesquisa, avaliou novos inseticidas e sua eficácia sobre o controle da cigarrinha-do-milho. As anomalias causadas pela praga têm potencial para acarretar perdas da ordem de 70% da produção de uma lavoura de milho.

“Elas obstruem vasos condutores de seivas elaboradas na cultura. Trata-se de uma praga com grande capacidade reprodutiva, que levada pelo vento se espalha a longas distâncias e por isso dificulta seu controle”, comenta Jurema. “A cigarrinha deve ser monitorada e controlada com atenção desde a emergência até o estágio V4 (quarta folha) da planta. Este momento é crítico na contenção da infecção de plantas pelos ‘molicutes’. Recomendamos que a população seja monitorada e controlada até a fase do pré-pendoamento”, completa.

Comments


Ultimas noticias
Notícias Recentes
bottom of page