Mapa e Embrapa iniciam ação para diagnosticar doenças em caprinos e ovinos no Semiárido e melhorar s



A partir desta semana, 60 propriedades do município de Pintadas (BA) e entorno receberão a visita de uma equipe formada por pesquisadores da Embrapa Caprinos e Ovinos e da Fundação de Apoio ao Instituto Federal da Paraíba (Funetec) para verificação das condições de sanidade dos rebanhos da região. A ação está inserida no Programa AgroNordeste, liderado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), e visa promover a inovação tecnológica em microrregiões onde a produção de caprinos e ovinos é a principal fonte de renda.

A iniciativa também ocorre no âmbito do Projeto Dom Helder Câmara (PDHC), desenvolvido pelo Mapa, por meio da Secretaria de Agricultura Familiar e Cooperativismo (SAF), e cofinanciado pelo Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), cujo objetivo é reduzir os níveis de pobreza e de desigualdades no Semiárido, qualificando os produtores para desenvolverem uma produção sustentável e a replicação de boas práticas.

“Essa parceria com a Embrapa visa superar, por meio da inclusão tecnológica e social, os principais desafios à produção sustentável de carne, leite e seus derivados de caprinos e ovinos, contribuindo para o aumento da renda no Semiárido. É uma iniciativa que prevê a capacitação de produtores, a troca de conhecimentos, a ampliação do acesso ao mercado dos produtos, entre outras atividades focadas no fomento dessas cadeias produtivas que têm um grande potencial de desenvolvimento”, ressalta o secretário de Agricultura Familiar e Cooperativismo do Mapa, Fernando Schwanke.


Ultimas noticias
Notícias Recentes

Copyright © 2014 | Desenvolvido por: OnLine