top of page

"Perdi a esperança na agricultura", diz produtor sul-coreano



Kwon Gye-soon tem cultivado por mais de um quarto de século, mas ela não tem esperança de poder se recuperar desta vez depois que as inundações causadas pelas mudanças climáticas em julho devastaram sua fazenda de melancia e sua colheita danificada agora apodrece no calor extremo. Chuvas torrenciais varreram as fazendas da Coreia do Sul na região central no mês passado, deixando mais de 40 mortos ou desaparecidos, e grandes extensões de campos debaixo d'água, incluindo as estufas de 4.960 metros quadrados de Kwon na cidade de Nonsan.

O presidente sul-coreano, Yoon Suk Yeol, alertou que o clima extremo deve ser esperado como norma por causa das mudanças climáticas, mas danos extensos a propriedades e terras agrícolas e baixas humanas pelo segundo ano lançaram dúvidas sobre a prontidão do país.

Comentários


Ultimas noticias
Notícias Recentes
bottom of page