Polo quer estimular produção de frutas de alto valor agregado no DF e em 33 cidades de Goiás e MG



Estimular a produção de frutas de maior valor agregado entre pequenos e médios produtores rurais do Distrito federal, de 29 municípios de Goiás e quatro de Minas Gerais. Essa é uma das metas do Polo de Fruticultura da Ride (região integrada e desenvolvimento que envolve o DF e os demais municípios). A iniciativa envolve os ministérios da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, do Desenvolvimento Regional, a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA).

No próximo dia 22, será divulgado o resultado do edital para contratação dos serviços e estruturação do projeto, que prevê plano de comunicação, preparação de um piloto de plataforma interativa de acompanhamento e avaliação dos trabalhos e produção do plano estratégico de desenvolvimento do polo.

O coordenador do projeto na Superintendência Federal de Agricultura do Distrito Federal, Willian Barbosa, destaca que esse é um importante passo para o polo “sair do papel”. Inicialmente, serão destinados R$ 950 mil para a estruturação do projeto.

Ultimas noticias
Notícias Recentes

Copyright © 2014 | Desenvolvido por: OnLine