Preços do açúcar encerram a semana em baixa nas bolsas internacionais



Os preços do açúcar encerraram a última sexta-feira (18) em baixa nas bolsas internacionais. Em Nova York, na ICE, o vencimento março/21 fechou cotado em 14,44 centavos de dólar por libra-peso, baixa de 24 pontos no comparativo com a véspera. O vencimento maio/21 caiu 16 pontos, negociado em 13,84 cts/lb. Os demais lotes recuaram entre 7 e 13 pontos.

Em Londres o açúcar branco também fechou em baixa em todos os lotes. No vencimento março/21 a commodity foi comercializada em US$ 398,30 a tonelada, baixa de 5,10 dólares no comparativo com a véspera. Já a tela para maio/21 desvalorizou 5,20 dólares, com negócios em US$ 391,50 a tonelada. Os demais contratos caíram entre 4,10 e 4,70 dólares.

Segundo Arnaldo Luiz Corrêa, da Archer Consulting, "o ano praticamente acabou. Aliás, já vai tarde. Não tenho dúvidas que o 2020 foi bom para o setor, mas o estresse vivido ao longo desse ano com a pandemia do novo coronavirus foi -- pra dizer o menos - angustiante. Foi arriscado planejar, difícil desenvolver estratégias e ainda mais trabalhoso executá-las em meio a um turbilhão de notícias ruins, da irracional volatilidade do real e a paralização da economia mundial. Quem acertou no ano foi quem decidiu com os elementos que tinha nas mãos, aquilo que era mais factível, por exemplo, a fixação de preços do açúcar de exportação em reais por tonelada, que proporcionou enorme margem às usinas".

Ultimas noticias
Notícias Recentes

Copyright © 2014 | Desenvolvido por: OnLine