top of page

Primavera seguirá contando com a presença da La Niña na Serra Gaúcha



“A redução nas temperaturas mínimas do ar seguido pela diminuição no volume das chuvas são as principais influências que o fenômeno La Niña trará para os produtores gaúchos, pela terceira primavera consecutiva”, pontua a pesquisadora Amanda Heemann Junges, do Departamento de Diagnóstico e Pesquisa Agropecuária da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), na nova edição do Boletim Agrometeorológico da Serra Gaúcha. A publicação é elaborada por pesquisadores da Secretaria da Agricultura e da Embrapa Uva e Vinho e apresenta uma avaliação das condições meteorológicas de agosto e setembro, o prognóstico climático até o mês de dezembro e as recomendações para os viticultores da Serra Gaúcha.

“Com prognóstico de chuvas abaixo da média, a falta de água poderá atrapalhar a safra. Se possível, o ideal é colocar irrigação ou investir em manejo, como a cobertura do solo, que irá auxiliar na manutenção da umidade”, destaca o pesquisador Henrique Pessoa dos Santos, da Embrapa Uva e Vinho. Ele também chama a atenção para redobrar os cuidados em vinhedos que sofreram danos por congelamento, em função das geadas tardias. “É importante acompanhar e fazer os manejos necessários para minimizar as perdas”, alerta.

Comentarios


Ultimas noticias
Notícias Recentes
bottom of page