SAÚDE USP: alecrim pode ser aliado contra fungos



Um estudo realizado em laboratórios da Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP) da Universidade de São Paulo (USP) descobriu que óleo essencial extraído do alecrim-pimenta, planta abundante no Nordeste, se mostrou eficaz no combate ao novo superfungo Candida auris. A espécie é considerada um superfungo por ser multirresistente aos antifúngicos comerciais, facilmente transmissível e responsável por infecções hospitalares.

Esse é mais um exemplo de plantas que podem ser aliadas à saúde humana. “A tecnologia, garantem, maximiza o potencial de uso da substância ativa do alecrim-pimenta, diminuindo a toxicidade e aumentando tanto a estabilidade quanto a atividade antimicrobiana. Afirmam ainda que os ensaios realizados encontraram o nível ideal de concentração da substância ativa que é eficaz contra o fungo sem oferecer riscos tóxicos ao organismo humano”, indica o Jornal da USP.

“O alecrim-pimenta é uma planta utilizada na medicina popular como antimicrobiano e antifúngico. Apesar das propriedades benéficas, o óleo essencial do alecrim-pimenta pode causar irritações na pele e reações alérgicas que são evitadas com o encapsulamento. Além dessa, outra vantagem do sistema criado pelo Laprofar é o aumento da eficiência do produto já que o óleo essencial é volátil e perde suas características originais quando exposto aos fatores ambientais, como calor, oxigênio e radiação solar”, completa.

Ultimas noticias
Notícias Recentes