top of page

Solução mais eficiente para ameaças na plantação de arroz



O Arroz-vermelho (Oryza sativa) é uma ameaça consolidada nas plantações de arroz. Segundo estudos, ele pode diminuir a produtividade em mais de 64%. Além de perdas na quantidade de produção, a presença dessa planta daninha afeta diretamente a qualidade dos grãos de arroz. Segundo Rodrigo Leão, diretor da CropChem, embora o Arroz-vermelho seja fácil de identificar, ele se torna perigoso pela dificuldade em realizar o manejo, pois se trata da mesma espécie do arroz cultivado. “Há muitas semelhanças entre a planta daninha e o arroz, tanto morfológicas quanto fisiológicas. Isso pode tornar o controle delas um desafio. Com a falta de manejo ou até com escolha de produtos impróprios, o agricultor terá problemas de produtividade”, afirma Rodrigo. Nesse sentido, é importante que o produtor rural escolha soluções que sejam efetivas contra o Arroz-vermelho. Uma alternativa é o Verdum WG, um herbicida que combina os ativos Imazapir e Imazapique. Com seletividade condicional em cultivares Clerfield e ação sistêmica, ele possui foco no manejo de invasores de difícil controle, podendo ser aplicado desde o ponto de agulha até o perfilhamento, antes e depois da emergência da planta daninha. O amplo espectro também permite que ele seja efetivo em plantas daninhas de folha larga, como o Angiquinho (Aeschynomene denticulata) e gramíneas, como o Capim-arroz (Echinochloa crusgalli). A absorção do Verdum WG pode acontecer tanto pelas folhas quanto pelas raízes da planta invasora. Além disso, ele realiza uma translocação rápida através do xilema e floema, os responsáveis pela condução de seiva no caule da planta. Para Rodrigo Leão, isso garante a eficiência no controle do Arroz-vermelho. “Esse herbicida tem apresentado bons resultados no arroz irrigado CL (Clearfield), se consolidando por ser eficaz para quem busca controlar o Arroz-vermelho e outros invasores”, completa Leão. A CropChem é uma empresa 100% brasileira que desenvolve e comercializa defensivos agrícolas. Com um planejamento estratégico, a empresa oferece herbicidas, inseticidas e fungicidas pensados especialmente para os agricultores brasileiros, levando em conta a diversidade na condição do solo e do clima das regiões do país. Além disso, ela desenvolve portfólios de produtos voltados para as principais culturas do Brasil, como a soja, o milho e o arroz. Acesse o site da empresa para saber mais www.cropchem.com.br. Milho: Alta na CBOT levou a mais vendas de exportação Na Argentina os preços equivalentes voltaram a subir e afastaram mais o Brasil Chuvas limitam colheita de trigo Com a redução na oferta do cereal, os preços médios regionais registraram leves aumentos no encerramento de setembro Semana abre com estabilidade para as praças pecuárias Seguindo o ritmo de sexta-feira (30/9), o começo da semana foi marcado pela estabilidade Trigo irrigado cresce no Cerrado Brasileiro Mesmo com um clima seco, avança a produção do cereal com uso de sistema de irrigação inteligente Comercialização de milho segue parada O Paraná tem raros negócios nesta sexta-feira, com exportação ausente Queda do dólar tira suporte do milho na B3 “As cotações do milho estão com viés de alta no mercado internacional"

Commentaires


Ultimas noticias
Notícias Recentes
bottom of page